sexta-feira, 24 de abril de 2009

ob-la-di ob-la-da life goes on bra *


Na estreita rua asfaltada, o menino chora.
A vida parece uma piada de muito mal gosto.
Ela foi embora levando seu travesseiro, um vinil raro e umas frases de bolso.
Pela janela, as pernas dela lá embaixo pareciam maiores e a caneta na sua mão, um cigarro.
Então, lembrou o poema dela,
De ter lido sob a luz de um poste, sentado na calçada.
E pensou que, enquanto houvesse o poste e a rua, ela seria resgatada.
Na estreita rua asfaltada, o menino elabora
um plano furado de fuga.
Ri do mundo e dela e canta uma música
"ob-la-di ob-la-da life goes on bra"

[Fernanda]


* The Beatles - White Album (1968)

2 comentários:

Música e caipirinha disse...

adorei, mandou super bem ;D ..vou embora levando um vinil raro e umas frases de bolso.. . .

Rodrigo disse...

adoro esse poema.